Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Radar temporário na Serra

Publicado em 01/08/2007 às 00:00 - Atualizado em 10/06/2015 às 14:45

A Serra atrairá as atenções do setor aéreo brasileiro pelos próximos 75 dias. O radar móvel que substituirá temporariamente o equipamento fixo existente no Morro da Igreja, em Urubici, começou a ser instalado ontem, em São Joaquim, numa megaoperação com envolvimento de 70 militares e 55 toneladas de equipamentos.

A substituição foi definida há cerca de dois meses pela Aeronáutica. O objetivo é que a base de concreto do radar de rota do Destacamento de Controle de Espaço Aéreo do Morro da Igreja (DTCEA-MDI), constantemente atingida pela umidade e pelo vento, possa ser reformada. A troca do equipamento não causará mudanças ou quaisquer outras alterações nas rotas dos aviões.

O local escolhido para a instalação do radar móvel foi um terreno particular, emprestado pelo proprietário, situado em um morro atrás do Parque Nacional da Maçã, em São Joaquim.

O ponto é considerado estratégico pelo fato de sua altitude, de aproximadamente 1,4 mil metros, favorecer a captação e transmissão de dados ao 2º Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta 2), sediado em Curitiba; por não ser tão atingido pelo vento; e pela proximidade de Lages, onde passa a aerovia de maior movimento entre o Sul e o Sudeste do Brasil.

Fonte: Diário Catarinense
Matéria: Pablo Gomes

Galeria de Imagens

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar

Galeria de Arquivos